PORTAL DO ALUNO / PROFESSOR

Seminário Corpo e Movimento

O professor na Educação Infantil (EI) tem papel relevante no processo de ensino aprendizagem, cabendo a ele oferecer por meio das práticas pedagógicas que efetiva as condições necessárias para um desenvolvimento integral da criança, no sentido de alcançar os objetivos propostos nos documentos oficiais norteadores para esta etapa da Educação Básica.

Considerando, a necessidade de o professor ter conhecimentos sobre a infância e construir situações de aprendizagem que contribuam para o desenvolvimento infantil no que se refere aos aspectos cognitivos, afetivos, motores e sociais. E que a escola deve proporcionar local e espaço adequados para que a criança possa aprender e se desenvolver de forma integral em suas necessidades, foi proposto na disciplina Corpo e Movimento, no 5º período de Pedagogia a busca de fundamentação teórica, diagnóstico no âmbito escolar da Educação Infantil e a proposição de uma intervenção pedagógica envolvendo atividades que coloquem o corpo das crianças em movimento, utilizando as brincadeiras tradicionais, indígenas, portuguesas e africanas.

De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil – DCNEI (BRASIL, 2010) as práticas pedagógicas que compõem a proposta curricular da Educação Infantil devem ter como eixos norteadores as Interações e a Brincadeira. Brincar é, portanto, um direito que as crianças têm e precisam para desenvolver-se integralmente, já que os recursos lúdicos são um auxílio fundamental para o aprendizado e construção do conhecimento. E na ação do brincar ela utiliza o corpo para se expressar e se comunicar. E quando a criança experimenta o poder do seu corpo constrói novos conhecimentos.

Em suma, trata-se de uma ação pedagógica, cuja metodologia é permeada pelo lúdico, permitindo que corpo e cognição se desenvolvam de forma articulada.

De acordo com os diagnósticos apresentados pelas graduandas, a maior parte das atividades propostas e desenvolvidas na EI, são direcionadas para que as crianças permaneçam com a atenção voltadas para os conhecimentos relacionados à leitura e a escrita, desconsiderando que o corpo em movimento é fundamental para o desenvolvimento e aprendizagem infantil.
Nesse contexto, planejaram, realizaram intervenções em escolas variadas, utilizando brincadeiras, e compartilharam seus estudos e experiências durante o Seminário expondo as práticas pedagógicas com as brincadeiras no contexto escolar.